src="http://pagead2.googlesyndication.com/pagead/show_ads.js">
Google

21.8.06

Tenho a mania de querer que as coisas aconteçam rapidamente.
Cada vez percebo melhor que não deve ser assim, e que não vai ser assim.
Está tudo bem enquanto eu tiver essa noção.

2 Comments:

Blogger emlino said...

Ainda bem que percebes (há quem ainda não perceba..) e ainda bem que assim é, ao ritmo de cada coisa. Para além de treinar a nossa paciência, um dom cada vez mais necessário, também ajuda a valorizar aquilo por que tanto esperamos e a sermos mais exigentes no que se espera acontecer, caminhando cada vez para a perfeição dessa vida que acontece (não para uma vida perfeita, entenda-se). Aos poucos, essa espera tornar-se-á num ritual que antecede cada passo da vida... um pouco como os necessários 60s para que passe um minuto... não podemos transitar de minuto ao fim de 34 ou 46s... Aprendemos a celebrar cada segundo, cada momento, que acontece... A espera, é já, em si, um acontecimento. Importante mesmo, é não deixar de fazer acontecer. :)

21 agosto, 2006 15:14  
Blogger gota de chuva said...

Tempo, paciência, espera...pois é, parece que são inevitáveis...
há que deixar as coisas seguirem naturalmente o seu percurso, não deixando de as "fazer acontecer", mas tudo sob a moderação do tal de tempo, paciência e espera.

Nem sempre é fácil conseguir o equilíbrio...entre o que deve ser e o que queríamos que fosse.
:)

21 agosto, 2006 20:37  

Enviar um comentário

<< Home

eXTReMe Tracker